terça-feira, 21 de outubro de 2014

Ed. 2361

  1. Ovo por carne
  2. ‘Tucanada’ reunida
  3. Resultado I
  4. Resultado II
  5. Resultado III
  6. Soja
  7. Matrículas
  8. Disque-Eleições I
  9. Disque-Eleições II
  10. Suspensão I
  11. Suspensão II
  12. Alinhados I
  13. Alinhados II
  14. Dúvidas
  15. Ambulâncias
  16. Militância
  17. Enem
  18. Seleção
  19. Superação
  20. Os sinais de Deus
  21. Carreata marca passagem de Cairoli pela cidade
  22. Eleitor pode justificar ausência no pela internet
  23. Reconhecimento biométrico deve superar os 91,5% do primeiro turno
  24. Schneider diz não ter opinião formada sobre PL que fechará mercados
  25. Rede estadual recebe matrículas até dia 31
  26. Uruguaiana: Inscrições abertas para Corrida Noturna de Halloween
  27. Detran promove leilão de veículos e sucatas em Uruguaiana
  28. Trabalhador já pode sacar abono salarial do PIS nesta terça
  29. Fluxo de turistas internacionais cresce 67% na última década no RS
  30. Servidores do Judiciário e MP podem entrar em greve em novembro no RS
  31. Proposta proíbe empresas de crédito de criar restrições próprias para os clientes
  32. Uruguaianense perde a vida em acidente no Chile
  33. Implantada Polícia Comunitária em Uruguaiana
  34. Polícia Federal deve ter greve de 72h
  35. Júri de Leonardo Matte inicia nesta quarta
  36. Furto na granja
  37. Falsificação de documentos
  38. Tentativa de homicídio
  39. Furto em veículo
  40. Sorriso é preso por tráfico
  41. Preso por embriaguez
  42. Maria da Penha nele
  43. Consulta pública vai avaliar propostas de redução de gastos
  44. Brasil lidera ranking de violência contra professores
  45. Sinpro/RS reitera posição contrária a proibição de transferência
  46. Mensalidades escolares devem ter alta de 9,11% em 2015
  47. “Curinga” é o novo livro do Carpinejar
  48. Filme “Annabelle” explica a origem da boneca de “Invocação do Mal”
  49. Nacional “Na Quebrada” retrata a violência e exalta o cinema
  50. Novo livro de Ziraldo conta a história de meninos de rua de Copacabana
  51. Coma bem e passe longe das doenças
  52. Luan Santana canta com cachorro de fã no colo
  53. Klebber Toledo diz que não beijou desde término com Marina
  54. Ivete está com dengue
  55. Proposta proíbe lutas de MMA na televisão antes das 22 horas
  56. Inter deve vender Rafael Moura ao final do Brasileirão
  57. CBF tira supervisor do Grêmio
  58. Tardelli revela o porque decidiu jogar contra o Corinthians na Copa do Brasil

sábado, 18 de outubro de 2014

Ed. 2360

  1. Arrogância Fatal
  2. Oliveiras em foco
  3. Mega Park I
  4. Mega Park II
  5. Mega Park III
  6. Fechamento I
  7. Fechamento II
  8. Ditador I
  9. Ditador II
  10. Ditador III
  11. Confirmados
  12. De lavada
  13. Aperto
  14. Califórnia I
  15. Califórnia II
  16. Califórnia III
  17. “Sem noção”
  18. Brique
  19. Vereadores ignoram o interesse do povo e fecham supermercados aos domingos
  20. Município bancará a Santa Casa mais uma vez
  21. Tem carreata do PMDB hoje à tarde
  22. Vereadores aprovam crédito adicional de R$ 800 mil para o Carnaval
  23. Prefeitura anuncia recuperação de quatro vias de grande fluxo
  24. 2ª etapa de vacinação para prevenir a febre aftosa inicia em novembro
  25. AES Sul realizará ações para estudantes de Uruguaiana
  26. Fiscalização sobre vagas do estacionamento para idosos e pessoas com deficiência
  27. Helicóptero do Samu atenderá Uruguaiana
  28. Ministério da Saúde quer reduzir partos cesáreos desnecessários
  29. Homens também devem ficar atentos ao câncer de mama
  30. Anvisa suspende venda e uso de lotes da vacina contra meningite
  31. Gasolina pode subir mesmo com petróleo mais barato
  32. Cemitério troca mulher de carneira sem autorização
  33. Acusados de assassinato continuam foragidos
  34. BM apreende grande quantidade de agrotóxicos
  35. Mulher é encontrada morta
  36. Polícia Comunitária será implantada na segunda-feira
  37. Roubo a pedestre
  38. Furto descuido
  39. Roubo a pedestre
  40. Tentativa de roubo
  41. Lesão corporal
  42. Ofensiva ao pudor
  43. Acidente de Moto
  44. Enem 2014 terá mais de 8,7 milhões de participantes
  45. Sinpro/RS promove 3ª Semana da Consciência Profissional
  46. Professora receberá horas extras por período de recreio
  47. Falta 1,4 milhão de professores para atingir o Ensino Básico universal
  48. Réquiem a um Escritor
  49. Dez respostas sobre menstruação
  50. Alexandre Nero sobre polêmica relacionada à zoofilia: “Fui infeliz”
  51. Assessora carioca pode ser responsável por criar boato sobre Viviane
  52. Abel vê Nilmar pronto para jogar, mas mantém mistério
  53. Cláudia Gadelha encara a polonesa Joanna Jedrzejczyk no UFC Phoenix

sexta-feira, 17 de outubro de 2014

Prefeito submete Lei do Orçamento aos Vereadores

Foi encaminhado à Câmara de Vereadores o projeto da Lei Orçamentária Anual 2015. A matéria foi assinada pelo prefeito Luiz Augusto Schneider em despacho com os secretários Diego Roque (Planejamento) e Luiz Henrique Fanti (Fazenda), ontem, 15/10, e já está protocolada na Casa Legislativa.
O documento versa sobre o orçamento do município, mas ao contrário da Lei de Diretrizes Orçamentárias, que possui uma maior amplitude, a LOA já define os valores reais a serem empregados em cada demanda. As maiores mudanças dizem respeito aos precatórios e a folha de pagamento. Em gestões anteriores, o planejamento financeiro para pagamento dos servidores era incompleto, constando apenas cerca de seis a nove dos doze meses do ano. A partir de então, era necessário retirar recursos de outros setores para cumprir a folha. “Dessa forma estamos garantindo os salários dos nossos servidores”, destacou o prefeito Schneider sobre o assunto.
Também neste ano está sendo proposta a destinação de R$ 18 milhões para pagamentos dos precatórios do município. “Nunca, ninguém propôs essa questão – a destinação de uma parcela do orçamento, para pagamento de precatórios”, disse o Chefe do Executivo.
A matéria deve ser apreciada em breve pelos parlamentares.

Vereadores de Uruguaiana e Libres buscam soluções para a tarjeta vicinal

Uma reunião com o objetivo de discutir a tarjeta de transito vicinal fronteiriço foi realizada entre a Câmara de Vereadores de Uruguaiana e a Câmara de Concejales (vereadores) de Paso de los Libres e com o chefe do Controle Migratório da cidade vizinha, Cristian Alarcon.
No encontro, em que o vereador Irani Fernandes representou o Parlamento uruguaianense, foi relatada a necessidade de facilitar a passagem de uruguaianenses à Paso de los Libres e agilizar a forma de solicitação do documento. O assunto foi discutido e apresentado como demanda comum aos dois países no primeiro Encontro de Vereadores e Concejales realizado em setembro.
A reunião resultou em um acordo de trabalho conjunto visando melhorias. “É a primeira vez que uma autoridade brasileira coloca-se à disposição para pensarmos no aperfeiçoamento do controle aduaneiro”, revelou Alarcon. Entre as alternativas expressadas esteve a passagem prioritária dos portadores da carteira, com uma fila exclusiva e a implantação de um ponto de atendimento no centro da cidade de Uruguaiana, para encaminhamento do referido documento.

Câmara quer que Executivo participe de convênio de fiscalização de trânsito


A Câmara de Vereadores quer que o Poder Executivo participe do convênio firmado na última semana entre o Detran/RS, a secretaria de Segurança Pública e a Brigada Militar para fiscalização de trânsito nos municípios. A adesão da Prefeitura de Uruguaiana foi indicada pelo vereador Rafael Alves (SD) e aprovada na semana passada.
A ação conjunta renova o acesso da Brigada aos sistemas informatizados do Detran/RS para o lançamento de autos de infrações de trânsito, geração de termos de consistência, emissões de notificações e avisos e ainda para arrecadação, compensação e repasse dos valores de cobrança das multas de trânsito. De acordo com o vereador, a adesão de Uruguaiana à proposta garante a melhoria na eficiência da fiscalização do trânsito no município e, consequentemente, a segurança.

Universidade terá apoio incondicional do Município


Encaminhada à Câmara de Vereadores na última semana e aprovada na sessão ordinária de terça-feira, 14/10, a Lei 4.400/2014 foi sancionada pelo prefeito Luiz Augusto Schneider ontem, 15/10, durante seminário realizado pela Universidade Federal do Pampa (Unipampa).
Com a lei, o Poder Executivo fica comprometido em apoiar o curso de medicina da Unipampa, no que foi necessário, independentemente de governo. Segundo o prefeito Luiz Augusto Schneider, a ação visa assegurar que seja mantido o apoio, independentemente do gestor. “Houve uma cidade em que, após a implantação do curso de medicina, o prefeito e o diretor do campus romperam e a Prefeitura deixou de auxiliar, causando sérios problemas”, contou ele na ocasião em que encaminhou o projeto à Câmara.
De acordo com o Artigo 1º, o Poder Executivo Municipal fica comprometido em assegurar a continuidade das ações de cooperação com o Campus local da Universidade Federal do Pampa – Unipampa, visando a implantação do Curso de Medicina em Uruguaiana/RS.
Todas as Unidades Básicas de Saúde, incluídas as Unidades de Pronto Atendimento – UPA, as Policlínicas, os Ambulatórios e Serviços de Saúde Mental deverão ser adaptadas ou concebidas, levando em conta a necessidade de espaço físico para o desenvolvimento de ações dos campos de formação e de estágio da educação em saúde.
Já o Artigo 2º determina que, em todas as Secretarias Municipais será dada prioridade de tramitação a todo e qualquer processo de interesse da Unipampa ou que envolvam programas ou projetos da Secretaria Municipal de Saúde – SMS, desenvolvidos em conjunto com essa Universidade.

Agora é oficial: Unipampa tem Medicina


“Já está tudo pronto. Em 2016 abrimos mais um curso aqui, o curso de medicina”. Foi com essas palavras que o secretário de Educação Superior do Ministério da Educação e Cultura (MEC), Paulo Speller, anunciou a implantação do curso de medicina no campus Uruguaiana da Universidade Federal do Pampa. O anuncio ocorreu durante a abertura do seminário “Desafios ao provimento e fixação de médicos na Fronteira Oeste do Estado do RS”, naquele educandário, na manhã de ontem, 15/10. As aulas iniciam no primeiro semestre de 2016 e serão 60 vagas disponibilizadas.
Embora a implantação já estivesse confirmada pela reitora da Universidade, Ulrika Arns, a manhã foi de fortes emoções com o anúncio oficial. “É a concretização de um sonho e resultado de uma luta de meses e meses, com pessoas se dedicando ao máximo”, diz o prefeito Schneider, que encabeçou a luta. Em 2013, logo após a concretização da vinda do Instituto Federal Farroupilha, Schneider fez uma peregrinação por todos os municípios da região, solicitando apoio a vinda do curso para o município, e recebeu apoio total dos prefeitos vizinhos.
Outros dois pontos cruciais nessa luta e citados pelo Chefe do Executivo em seu discurso foi o encontro com o governador Tarso Genro e a visita da presidente Dilma Rousseff. “Tivemos a oportunidade de conversar com o governador Tarso em Alegrete, quando voltamos a tratar deste pedido e, quando a Presidenta nos visitou em razão da enchente, não podíamos deixar de apresentar o projeto pedagógico da faculdade de medicina”, disse ele. Ele agradeceu a todos os envolvidos, citando especialmente a Reitora e o diretor do Campus, João Cléber Theodoro de Andrade. “Também quero agradecer a professora Maria Medianeira, o Olíbio de Freitas e o Denizart Ramires, incansáveis na luta pelo hospital universitário e os engenheiros Paulo Ruas e Maher Jaber, que auxiliaram muito, inclusive no encontro com o governador Tarso”, finalizou.
O evento teve a presença ainda do coordenador de atenção básica do Departamento de atenção à saúde da secretaria estadual de Saúde, o diretor de desenvolvimento da Educação em saúde do MEC, Vinícius Ximenes. O prefeito de São Borja, Farelo Almeida, também esteve presente, bem como todo o secretariado municipal e a vice-prefeita, Neraí Kaufmann.

Moradores da Barragem abandonados pela Oi

Esclarecimentos sobre a instalação das linhas telefônicas e da internet banda larga da OI na Barragem Sanchuri serão solicitados pela Câmara Municipal. O requerimento do vereador Adalberto Silva (PP) aponta que muitas solicitações dos moradores não estão sendo atendidas. O sistema de telefonia implantado em março, ainda precisa ser disponibilizado aos interessados na sua totalidade. “O fornecimento do serviço na Barragem criou uma grande expectativa na comunidade, dessa forma buscamos conhecer o cronograma das instalações para informar a todos”, afirmou o vereador.

Câmara solicita atualização de revistas íntimas nos presídios

O Poder Legislativo de Uruguaiana indica às autoridades da segurança que antecipem as providências para instalação de equipamentos necessários para substituir a forma de revista íntima nos presídios gaúchos. O vereador Irani Fernandes (PP), autor da indicação aprovada na Câmara Municipal na terça-feira, dia 14, apontou as questões assinaladas pelo Poder Público e pelos órgãos de Direitos Humanos sobre o tema.
Atualmente, portaria da Superintendência dos Serviços Penitenciários (Susepe) normatiza o procedimento no Estado e autoriza a retirada de todas as roupas da visitante e inspeção visual (inclui partes íntimas) do seu corpo. Entretanto, tramita no Congresso Nacional Projeto de Lei que proíbe a revista sem roupas, determinando que os visitantes sejam submetidos à revista mecânica, em local reservado, com equipamentos como detectores de metal e raio-X. Também há decisão da Justiça do Rio Grande do Sul para que sejam usadas tecnologias que preservem a integridade física, psicológica e moral do revistado, que entra em vigor no dia 1º de dezembro e vale até que outra norma seja editada pela Assembleia Legislativa do RS. “As manifestações cuidaram de quase tudo, menos de colocar a obrigação do governo adquirir os equipamentos citados”, esclareceu Irani sobre a importância do requerimento da Câmara de Uruguaiana que solicitará providências imediatas à Assembleia Legislativa do RS, Secretário Estadual de Segurança Pública do RS; Ordem dos Advogados do Brasil; SUSEPE e Diretor da Penitenciaria Modulada de Uruguaiana.a

“Serviço local, bem global” é o tema do Dia Internacional do Cooperativismo de Crédito


Objetivo é demonstrar o impacto positivo das cooperativas de crédito na economia mundial
Celebrado na terceira quinta-feira de outubro, o Dia Internacional do Cooperativismo de Crédito (DICC) é promovido pelo Conselho Mundial de Cooperativas de Crédito (World Council of Credit Unions - Woccu) para divulgar o trabalho desenvolvido pelas cooperativas de crédito, aumentando a conscientização sobre sua importância econômica e social e, consequentemente, o apoio ao movimento cooperativo. Em 2014, a comemoração está marcada para o próximo dia 16 com o tema “Serviço local, bem global”.
De acordo com dados do Woccu, 57 mil cooperativas de crédito estão presentes em 103 países e 208 milhões de pessoas celebrarão a data em todo o mundo. Os ativos totais das instituições financeiras cooperativas que fazem parte do Woccu movimentaram, em 2013, cerca de US$ 1,5 trilhão.
No Brasil, a Organização das Cooperativas do Brasil (OCB) contabiliza, com base em números de 2013 do Banco Central – incluindo cooperativas ligadas ao Sistema OCB, mais de 6,5 milhões de associados, 1.154 cooperativas de crédito com 5.084 pontos de atendimento espalhadas pelo País, gerando mais de 45 mil empregos. Elas movimentaram R$ 117,2 bilhões de ativos e R$ 55 bilhões em depósitos.
Inserido nesse contexto, o Sicredi, instituição financeira cooperativa com mais de 2,8 milhões de associados, tem contribuído para o crescimento sólido e sustentável do cooperativismo de crédito. Em 2013, os ativos totais do Sistema atingiram R$ 38,4 bilhões e as sobras geradas totalizaram R$ 803,3 milhões. O Sicredi encerrou o primeiro semestre de 2014 com R$ 43,7 bilhões em ativos e 1.297 pontos de atendimento em 11 Estados brasileiros. 
Regionalmente, a Sicredi Pampa Gaúcho, fechou 2013 com mais de R$ 466 milhões em recursos administrados, 11pontos de atendimento e mais de 47 mil associados, respectivamente. No primeiro semestre de 2014, a Sicredi Pampa Gaúcho registrou mais de R$ 929 milhões em recursos administrados, 11 pontos de atendimento e mais de 51 mil associados.
As cooperativas de crédito incentivam o empreendedorismo, criam oportunidades de negócio e promovem o crescimento, a educação e o fortalecimento das localidades em que estão presentes. “Por sua própria natureza, o cooperativismo de crédito agrega renda aos associados e à comunidade onde está inserido e faz do crédito uma ferramenta essencial para o crescimento de todos”, complementaJosé Antônio Severo Menezes, presidente da Sicredi Pampa Gaúcho.

População continua prejudicada pela falta do cartão do SUS

A CNH, apesar de reconhecida nacionalmente como documento de identificação, não é aceita em Uruguaiana, no momento da emissão do Cartão do SUS. 
A Câmara Municipal sugere o empenho da Secretaria de Saúde para agilizar o recadastramento no Sistema Único de Saúde (SUS). A realização de mutirão para atender a demanda de confecção dos Cartões SUS para o novo padrão do documento é sugerida pelo vereador Egídio Carvalho (PSDB). A iniciativa busca diminuir o desconforto relatado pelos cidadãos quanto a demora para a realização do cadastro que é indispensável para atendimento de saúde em todo território nacional.
Na sessão ordinária desta terça-feira, dia 14, os parlamentares anunciaram a distribuição de apenas cem cartões pela Secretaria de Saúde. “Neste ritmo, os uruguaianenses demorarão anos para usufruir dos benefícios do cartão”, considerou Egídio.
O vereador Líder do Governo, Fernando Tarragó, registrou que o recadastramento é feito em todo o país, assim, por vezes o Sistema é congestionado e causa a vagarosidade no atendimento. “Nenhum atendimento pode ser negado aos que não portam o Cartão”, garantiu o vereador.
Nesta semana, o sistema de emissão do documento voltou a apresentar problemas, prejudicando dezenas de pessoas que haviam madrugado para enfrentar a fila. Além do sistema, outra reclamação vinda da comunidade diz respeito aos documentos exigidos pelos profissionais da Secretaria de Saúde para emissão do Cartão. Segundo Itacir, a atendente exige a Carteira de Identidade, porém ao ter sua carteira furtada recentemente, ele perdeu o documento, ficando apenas com a Carteira de Motorista que estava no carro. O documento, apesar de reconhecido nacionalmente como documento de identificação, não é aceito em Uruguaiana.

Governo vai reajustar valor limite dos imóveis do Minha Casa, Minha Vida

O governo federal fará, em 2015, um reajuste no valor limite dos imóveis que podem ser enquadrados no programa Minha Casa, Minha Vida, segundo afirmou a secretária nacional da habitação, Inês Magalhães.
– Para a meta de contratação de 2015 os valores serão revistos, como fazemos periodicamente – disse, após participar de seminário sobre o programa habitacional realizado nesta segunda-feira em São Paulo.
A secretária explicou que o ajuste ainda não tem um porcentual definido nem uma data para entrar em vigor. Ela acrescentou que o governo federal evita fixar um prazo específico para o ajuste para evitar que empresários adiem o início de empreendimentos imobiliários para aguardar os novos valores, o que geraria interrupção na contratação de novos projetos que são de interesse da população de menor poder aquisitivo.
Inês reafirmou a meta de contratação de três milhões de unidades na terceira etapa do Minha Casa, Minha Vida, entre 2015 e 2018, conforme já anunciado pela presidente Dilma Rousseff. Desse montante, 350 mil ocorrerão já no primeiro semestre do ano que vem para evitar interrupção na contratação na passagem da segunda para a terceira fase do programa. Questionada, a secretária não confirmou nem descartou a aplicação dos ajustes já nas primeiras contratações.
A última mudança no limite de preços do Minha Casa, Minha Vida ocorreu em 2012. Na ocasião, o teto das unidades em São Paulo, Rio e Brasília subiu deR$ 170 mil para R$ 190 mil. Nas demais cidades, esse limite varia de R$ 90 mil a R$ 170 mil, dependendo do número de habitantes. Empresários da construção reclamam frequentemente da defasagem nos preços e na falta de previsibilidade sobre ajustes futuros. Em paralelo, consideraram positivo o acordo recente com o governo federal para estender o programa sob as condições atuais, com mais 350 mil contratações, evitando paralisações.

Consumidores terão mais uma ferramenta para solução de problemas em compras

Visando consolidar a cultura do consenso, o Poder Judiciário do Rio Grande do Sul, em parceria com o Ministério da Justiça, lançará, nesta terça-feira (14/10), o Projeto Solução Direta Consumidor. O objetivo é proporcionar acordos para as demandas de consumo, evitando o ajuizamento de processo judicial. O Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul é o primeiro tribunal do país a firmar parceria com o órgão
A proposta consiste em disponibilizar, na página do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul, um link que levará o consumidor ao site Consumidor.gov.br, onde ele poderá fazer sua reclamação de forma direta e focada em uma solução rápida e sem qualquer custo. O site é disponibilizado Secretaria Nacional do Consumidor do Ministério da Justiça, que compartilha os dados com os PROCONS.
A ferramenta permite que o consumidor se comunique diretamente com as empresas participantes (telefonias, bancos, grandes redes de lojas) que se comprometem a receber, analisar e responder as reclamações em até 10 dias. Em caso de insucesso na composição, o histórico da tentativa de solução poderá ser útil na hipótese do ajuizamento de uma demanda judicial, como indicativo de demonstrar a pretensão resistida por parte do fornecedor. O projeto é uma iniciativa da Corregedoria-Geral de Justiça e da INOVAJUS - Comissão de Inovação do Judiciário, em parceria com a Secretaria Nacional do Consumidor.Pretendemos, em breve, ampliar a proposta e firmar convênios com outras entidades, tais como, por exemplo, DPVAT, SPC/SERASA e tantas outras que estão entre os grandes litigantes, objetivando-se, com isso, evitar o ajuizamento de processos e, mesmo não havendo acordo, possa servir o registro da reclamação, o histórico da negociação como prova em uma futura demanda judicial, afirma o Desembargador Carlos Eduardo Richinitti, presidente da INOVAJUS. Por uma questão de racionalidade e até mesmo viabilidade do próprio Judiciário, precisamos urgentemente fomentar a cultura da autocomposição, resgatando a ideia da pretensão resistida. O Judiciário não pode e nem tem condições de ser a primeira e única porta de resolução de conflitos massificados, acrescenta o magistrado.

Anvisa muda regra para compra de medicamento similar

Resolução da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) publicada nesta segunda-feira, estabelece os requisitos necessários para que um medicamento similar possa substituir o de referência ou de marca. Pela nova regra, os similares que já tenham comprovado equivalência farmacêutica com o medicamento de referência da categoria poderão declarar na bula que são substitutos dos remédios de marca.
De acordo com a Anvisa, a medida poderá ser adotada pelos fabricantes a partir de 1º de janeiro de 2015. As alterações na bula devem ser feitas em um prazo de 12 meses.
A agência informou que vai manter uma lista atualizada dos similares intercambiáveis para orientar médicos, farmacêuticos e pacientes sobre quais produtos têm equivalência já comprovada.
No início do ano, a Anvisa anunciou que os medicamentos similares seriam mais uma opção aos de referência ou de marca, como já ocorre com os genéricos. Isso significa que a mesma prescrição médica, que atualmente permite a compra de um remédio de marca ou de um genérico, permitirá também a aquisição do similar, que contém os mesmos princípios ativos, a mesma concentração e a mesma posologia que o de referência.

Armas apreendidas poderão ficar sob custódia da PM

A Câmara dos Deputados analisa o Projeto de Lei 7611/14, da deputada Gorete Pereira (PR-CE), que determina que as armas de fogo apreendidas e colocadas à disposição da Justiça deverão ficar sob custodia da Polícia Militar durante o processo criminal.
“Um dos problemas que afligem as varas judiciais é a custódia de armas de fogo enquanto dura o processo criminal”, explica a autora. Hoje o Código de Processo Penal (Decreto-Lei 3.689/41) determina que os instrumentos do crime, bem como os objetos que interessarem à prova, acompanharão os autos do inquérito. “Ocorre que, principalmente nos municípios do interior, as armas apreendidas e sob a custódia do Poder Judiciário, em razão de processos judiciais em curso, são armazenadas em galpões, ficando totalmente esquecidas pelas autoridades”, afirma Gorete . Segundo ela, os galpões “são alvos fáceis de roubos e furtos, noticiados reiteradamente pela mídia”.

MP exige que diretor-geral da PF seja delegado experiente

O governo federal enviou para análise do Congresso a Medida Provisória (MP) 657/14, que reorganiza as carreiras de servidores efetivos da polícia federal (PF) para tornar privativo de delegado da classe especial (último nível da carreira) o cargo de diretor-geral da PF.
A medida provisória altera a Lei 9.266/96, que regulamenta a carreira policial federal. Na exposição de motivos, a ministra do Planejamento, Miriam Belchior, destaca que, “ao criar um critério de experiência profissional para ocupação do cargo de diretor-geral, a MP contribui para a profissionalização da gestão do órgão”.
O texto da MP ainda estabelece em lei que o cargo de delegado da PF só poderá ser exercido por bacharel em Direito que tenha pelo menos três anos de atividade jurídica ou policial, a serem comprovados no ato da posse. A formação em Direto já era exigida antes da edição da MP, mas por meio de uma portaria do Ministério da Justiça.
O presidente da Associação Nacional de Delegados da Polícia Federal, Marcos Ribeiro, considera um avanço a inclusão dos três anos de experiência.

Homem é assalto ao chegar em casa

O proprietário de uma residência localizada na Rua Antonio Monteiro foi vítima se assalto na terça-feira. Ele disse que chegava a residência por volta das 20h, quando foi abordado por dois homens armados com revólveres. Eles anunciaram assalto e ordenaram que a vítima entregasse a bicicleta. 
Após cumprir a determinação dos bandidos, a vítima acionou a Polícia e na carona de um motataxista, passou a seguir os bandidos. Ao avistarem a guarnição da Brigada Militar, os bandidos abandonaram a bicicleta, porém o flagrante já havia sido feito. A dupla foi reconhecida e encaminhada à Delegacia de Polícia.

Homem é baleado por engano

Um homem foi baleado na manhã de terça-feira em Uruguaiana, nas imediações da escola Laura Vicunã, quando estava na carona de uma motocicleta. Ambos conversam com uma moça, quando então chegou o sujeito conhecido como “Lobão”, ex-companheiro da menina e que com uma arma efetuou cinco disparos na direção do grupo. Um dos tiros atingiu o carona na altura do quadril, sendo ele socorrido pelo motociclista que o levou à Santa Casa de Caridade. A mulher disse que “Lobão” vem a ameaçando de morte desde que a separação ocorreu e que os tiros certamente eram matá-la.
O autor dos disparos tem várias passagens pela Polícia. A vítima ainda encontra-se hospitalizada.

Pedreiro morre soterrado


Por volta das 09h40min da manhã de terça-feira, um acidente ocorrido numa obra localizada na Rua Domingos de Almeida, entre Julio de Castilhos e General Canabarro, tirou a vida do pedreiro Sandro de Oliveira Brandão. Sandro trabalhava na construção de um prédio quando uma das paredes caiu, o atingindo gravemente. 
Enquanto os bombeiros não chegavam, os colegas de Sandro tentaram retirá-lo de meio aos escombros sem sucesso. Em pouco tempo, a rua foi tomada por profissionais da área de segurança e populares, que num misto de curiosidade e preocupação, tentavam identificar a vítima. 
A área foi isolada pela Brigada Militar até a chegada da Polícia Civil. Ninguém pode entrar ou sair do terreno onde aconteceu o acidente até a liberação por parte do delegado plantonista. Assim que assumiu o caso, o delegado Enio Tassi acionou os profissionais do Setor de Perícia de Livramento que devido a distância chegaram a Uruguaiana por volta das 15h.
A Polícia Civil apura agora as condições em que os profissionais desta obra estavam trabalhando, ou seja, se usavam ou não equipamentos de segurança. 
Sandro tinha 41 anos, era casado e residia na Rua Gregório Beregaray Filho, no bairro nova Esperança.
Perícia de Livramento
Para a família da vítima, a dor e o desespero de perder um ente querido foi agravada pela agonia de saber que ele permanecia ali, no local do acidente, aguardando a chegada de peritos de Santana do Livramento. A espera durou quase cinco horas, tempo interminável para quem já sofria com a morte. Recentemente, o corpo de um rapaz vítima de acidente de trânsito permaneceu no local da tragédia por mais de sete horas até a chegada da Perícia. O corpo ficou exposto inclusive a um temporal com ventos de mais de 60 km/h e uma chuva que alagou o carro onde o corpo estava preso as ferragens. 
A ausência de peritos em Uruguaiana é assunto antigo e já prejudicou muitas investigações ao longo dos anos. Para se ter precisão quanto a ocorrência de uma fato, é fundamental a presença deste profissional, porém, não há nenhum empenho do Governo do Estado para que uma equipe seja fixada em Uruguaiana.

190 em ação

Acidente de trânsito
A vítima relata que trafegava com sua bicicleta pela Rua Gen. Câmara sentido Sul/Norte, quando no cruzamento com a Rua Júlio de Castilhos chocou-se com o veículo Santana. Disse que ficou com dores. Já o autor, relatou que trafegava pela Rua Júlio de Castilhos, sentido Leste/Oeste, quando no cruzamento com a Rua Gen. Câmara parou o veículo. Neste momento a bicicleta teria batido na sinaleira esquerda. 

Roubo a pedestre 
Mais um menor de idade foi vítima de assalto em Uruguaiana. O fato ocorreu na segunda-feira e o autor seria um sujeito que costuma agir nas imediações do bairro Mascarenhas de Moraes. O assalto ocorreu na Rua Santana, sendo que a vítima teve o celular levado pelo bandido. 

Furto em veículo
A comunicante Eliane relata que no dia 10, na Rua Treze de Maio, por volta das 18h, seu carro foi arrombado e na terça-feira, acionou a Brigada Militar para qual relatou ter obtido informações. Após efetuar buscas, a Polícia recuperou a bolsa da vítima contendo documentos pessoais, chaves da residência e a quantia de R$ 750. 

“João da Penha”
Um homem registrou ocorrência contra a ex-mulher nesta semana, devido a ameaças que vem sofrendo. Segundo ele, a ex costumava o agredir enquanto estavam juntos e após o término do relacionamento, as agressões deram lugar às ameaças. Ele contou que estava na casa de sua namorada, no João Paulo II, quando a ex ligou fazendo novas ameaças. Disse ter contratado quatro homens para matá-lo. Conhecendo a ira da mulher, ele decidiu procurar a Polícia. 

Furto 
Um dos postos de bombeamento da empresa Odebrech foi alvo dos bandidos nesta semana. O local foi invadido por desconhecidos que sem que ninguém os visse levaram um painel eletrônico. O equipamento custa em torno de R$ 50 mil. 

Tentativa
Por pouco o proprietário de uma ferragem localizada na Rua Bento Martins, não ficou no prejuízo. O estabelecimento comercial Agro Veterinária teve a porta arrombada na madrugada de ontem, sendo que os vizinhos acionaram a Polícia após ouvirem barulhos. A porta do estabelecimento ficou amassada.